Depende de que lado bebemos um copo de vinho! “Em Portugal, as pessoas são imbecis ou por vocação, ou por coacção, ou por devoção” – Miguel Torga. Gosto de beber um copo! Confesso, e assumo, sou aquela pessoa com espírito de rico em corpo de pobre! Gosto de escolher e aconselhar bem, bons lugares com uma boa relação preço/serviço. Convite de amigos para um concerto de jazz, pelo caminho alguém sugere um copo antes: – E porque não numa típica casa regional, que nos saia em conta (isto, claro, em Lisboa)? Fomos a uma casa com sabores alentejanos, “Lisboa na moda”, o interior estava a abarrotar, retomámos a calçada, muito turística, e qual o espanto!? A casa tem uma parte não só virada para a calçada mas também com uma pequena esplanada, vimos uma mesa vazar… zás!, a nossa oportunidade, todos muito felizes com a nossa reacção rápida. Veio a carta de vinhos, e claro que para nós não havia duvidas, era o da casa e pelo sim, pelo não, certificámo-nos de que era mesmo o da casa. – Quatro copos de vinho, por favor! Era a gula por um copo para o caminho antes do jantar, e depois o […]
Read More